IMPRENSA

23Ago2015

Maior Controle Sobre Eventos Adversos



Com o objetivo , de aprimorar a eficiência e o controle dos serviços hospitalares, o SinoBrasileiro concluiu a implantação do sistema informatizado de gerenciamento da UTI. O software implantado, Epimed Monitor, permite monitorar o desempenho da unidade por me-Com o objetivo , de aprimorar a eficiência e o controle dos serviços hospitalares, o SinoBrasileiro concluiu a implantação do sistema informatizado de gerenciamento da UTI.

O software implantado, Epimed Monitor, permite monitorar o desempenho da unidade por me-io de indicadores importantes otimizada do setor. “O sistema traz diversos benefícios ao registrar em detalhes o perfil dos pacientes de UTI. Ele nos ajuda na programação e nos cuidados contra eventos adversos ou infecção”, explica o médico Anis Ghattas Mitri Filho, coordenador da área de Cardiologia, da UTI e da Unidade Coronariana do SinoBrasileiro.

O sistema implantado atende às diretrizes da Organização Mundial de Saúde, das agências certificadoras de acreditação hospitalar, da portaria MS 3432/98 do Ministério da Saúde e da Resolução RDC nº 7, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que dispõe sobre os requisitos mínimos para funcionamento de Unidades de Terapia Intensiva. A RDC nº 7 exige, por exemplo, que a unidade registre taxa de mortalidade, score de gravidade das doenças, reinternações ocorridas em intervalos inferiores a 24 horas, tempo de permanência do paciente na UTI, e prevenção, registro e controle de infecções, entre outros indicadores.

O órgão determina também o registro detalhado das necessidades de cuidados de enfermagem e a monitoramento visando a prevenção, a análise dos resultados nos ajuda também a treinar a equipe e a planejar estoques de recursos, como cateteres e marca-passos”, diz o dr. Anis Mitri. Erik Shiniti Oki, gestor de tecnologia e responsável pela implantação do sistema, explica que o software funciona online em ambiente restrito e é alimentado pela própria equipe da UTI.

Armazenados em servidor exclusivo, todos os dados inseridos no sistema são criptografados e podem ser rastreados se necessário. Além de atender às exigências da Anvisa e de servir ao processo de acreditação hospitalar, o sistema permite comparar os dados da UTI do SinoBrasileiro com os resultados de outras UTIs de todo o Brasil, utilizando e realimentando um sistema de benchmarking em tempo real. “O sistema melhora a gestão, permite maior controle sobre a performance das unidades e traz segurança ao paciente”, diz Erik.

A empresa responsável pelo software, Epimed Solutions, está presente em cerca de 650 UTIs de 400 hospitais do país. Sua base de pacientes internados alcança 420 mil pessoas, dos quais 18 mil novos pacientes monitorados por mês.